Por que os filtros solares podem causar danos?

O governo dos EUA identificou oficialmente que “a radiação ultravioleta (UVR), tanto do sol como dos produtos bronzeadores, podem causar câncer nos seres humanos. A (UVR) produz danos ao DNA, o que pode levar a mutações (anomalias) nos genes envolvidos no desenvolvimento do câncer de pele.”

A Agência de Proteção Ambiental dos EUA (EPA) estima que “o sol causa 90% de todos os casos de câncer de pele”. Calcula-se que “nos EUA, são diagnosticados 3,5 milhões de novos casos de câncer de pele a cada ano. Em 2012, foram diagnosticados 76.250 novos casos de melanoma invasivo, a forma mais perigosa de câncer de pele.” (Melanoma é uma pigmentação escura e maligna que costuma criar metástases e normalmente ocorre na epiderme).

Como escolher o protetor solar apropriado para proteger sua pele? Em cerca de 90% das vezes, o risco de desenvolver câncer de pele está diretamente relacionado com a quantidade e a intensidade da exposição aos raios ultravioleta emitidos pelo sol. A solução é reduzir a exposição excessiva aos raios solares mais intensos para diminuir as possibilidades de desenvolver câncer de pele, sem a necessidade constante de aplicação do protetor solar adequado.

Para que você tenha mais segurança, use um “fotoprotetor” solar à prova d’ água, refrescante, sem óleo, sem o composto químico “ortocrylene”, com alta proteção contra UVA e UVB e, para peles sensíveis ao sol, com Fator de Proteção Solar superior a 50. Aplique o produto na pele seca e à sombra, meia hora antes da exposição ao sol. Reaplique sempre que necessário.

Em crianças, prefira protetores solares especiais que não contenham “Oxibenzona” e “Ortocrylene”. “O ortocrylene é um ingrediente químico comum dos protetores solares em creme. Alguns de seus possíveis riscos colaterais incluem câncer e desequilíbrios hormonais.”

“A pele delicada das crianças e dos bebês tende a tolerar melhor os protetores solares com óxido de zinco e dióxido de titânio.” Contudo, mantenha as crianças sempre longe da exposição direta ao sol. A exposição excessiva aos raios solares é um risco importante para a saúde de qualquer pessoa.

Quando vê as pessoas se bronzeando durante várias horas de maneira irresponsável, meu amigo, especialista em câncer de pele, sempre comenta: “Olha meus futuros clientes aí”.

Fonte: “Skin Cancer Foundation”.

 A exposição excessiva aos raios solares é um risco importante para a saúde de qualquer pessoa.

Deixe seu comentário